quarta-feira, 15 de julho de 2009

O Duplo Etérico - Um pequeno esboço!



Os filósofos tem limitado sua atençao à parte do corpo físico bastante densa para que a vejam os olhos, e a maioria deles desconhece provavelmente a existência daquele grau de mátéria, também fisica, ainda que invisível, a que em Teosofia chamamos Etérica.

Esta parte invisível do corpo físico é de suma importância para nós, porque é o veículo pelo qual fluem as corrente vitais que mantém vivo o vorpo, e serve de ponte para tranferir as ondulações o pensamento e a emoçao do corpo astral ao corpo físico denso. Sem tal ponte intermediaria nao poderia o ego utilizar as células do cerebro. Uma pessoa clarividente o vê como uma distinta massa de neblina gris-violeta debilmente luminosa, que interpenetra a parte densa do corpo físico e se estende um pouco mais além deste.

A vida do corpo físico muda incenssantemente, e para viver necessita de contínua alimentaçao de tres fontes distintas. Precisa de comida para a digestão, de ar para a respiraçao e de tres modalidades de vitalidade para a assimilaçao.

Essa vitalidade é essencialmente uma força, mas quando esta revestida de materia parece-nos um elemento químico sumamente refinado.

Existe essa força ou energia em todos os planos embora no momento, e para atender ao objetivo que nos ocupa, só consideraremos a sua manifestaçao e expressao no corpo físico.


Entre o Plano Fisico e o Plano astral existe uma região intermediária batizada de etérica. Didaticamente a gente pode chamá-la de Plano Etérico, ainda que não seja exatamente um plano e sim uma região que às vezes associa a si mesma mais ao Plano Físico e às vezes mais ao Plano Astral.
Por outro lado a região etérica possui um corpo próprio chamado comumente de Duplo Etérico. É um corpo idêntico ao corpo físico e é nele que se encontram os meridianos da acupuntura.


Sonhando

Quando se sonha que se acordou e se anda pela casa, é provavelmente uma experiência na região etérica; e quando se acorda de novo é porque a consciência etérica se deu conta de que não está no físico e leva o duplo etérico até o corpo físico.
As anestesias são um deslocamento total ou parcial do duplo etérico, a hipnose é uma manipulação do duplo etérico. Desmaios e tonteiras são o afrouxamento do duplo etérico em relação ao corpo físico.


Se o duplo etérico é ferido pode transmitir o ferimento através de doenças para o corpo físico, o contrário também é verdadeiro.

A Consciência Do Plano Astral

Relacionado ao astral, o duplo etérico é responsável pela consciência do Plano Astral enquanto estamos acordados, que pode ser uma experiência psicológica ou de clarividência.
Todos os objetos físicos têm um duplo etérico, mas nem todo objeto etérico tem um duplo físico.


Como freqüentemente a região etérica é relacionada ao Plano Astral ou ao Plano Físico vale pouco para um iniciante estudar essa região separadamente, o importante apenas é saber que existe.
Conforme formos nos aprofundando no assunto o Duplo Etérico vai sendo mais compreendido,até formamos uma definiçao completa. Este assunto é muito denso e com muitas variantes, mas de extrema importância.
C.W Leadbeater - Sociedade Teosofica
LUZ E HARMONIA

14 comentários:

Léo disse...

"Essa vitalidade é essencialmente uma força, mas quando esta revestida de materia parece-nos um elemento químico sumamente refinado."

Com este comentário, fico a pensar em um exemplo de vitalidade física e em como se daria esse elemento químico.

"É um corpo idêntico ao corpo físico e é nele que se encontram os meridianos da acupuntura."

Acupuntura é algo muito certo e não sabia que agia no corpo etéreo.

"Se o duplo etérico é ferido pode transmitir o ferimento através de doenças para o corpo físico, o contrário também é verdadeiro."

E daí nascem as chamadas doenças das almas.

Muito exclarecedor o artigo. Vou atentar mais para esse plano de realidade, afim de sanar algumas dúvidas que diz respeito ao bem estar do ser-humano.

Beijão linda.

analuciana disse...

Muito interessante!
Espero que me ajude a compreender ou entender algumas situações...

LUCIENE disse...

amei seu blogzinho!!! parabens

Léo Metallica disse...

Oi Bruxinha.

Visite o meu novo blog, já que roubaram a conta do meu outro blog.

http://brainstorm-ride.blogspot.com/

Obrigado.

O Profeta disse...

Este mar de fresco azul
Estas pedras sentinelas constantes
Estas ondas que adormecem nelas
Vieram do mundo em formas navegantes

O amargo das uvas verdes
Cede ao sorriso do astro rei
O doce invade os sentidos
E a ternura impõe a sua lei


Boa semana


Mágico beijo

HAZEL disse...

Olá, Caillean

Vim desejar-te uma boa semana e contar-te uma coisa engraçada: sabes que livro ando a ler? "A Casa da Floresta". E lembro-me de ti todas as noites, sempre que a sacerdotisa Caillean aparece.

Beijos mágicos

Caillean disse...

Oi Leo

Desculpe so hoje estar respondendo mas meu pc anda dando tilt esta muito mal criado só funciona quando quer rs. E verdade o duplo etérico inclusive é o ultimo a "morrer" ele vai se desfazendo aos poucos ate sumir.

Na acumpuntura ele tb está presente e em outros tipos de cura também, por exemplo na cura prânica nos nunca encostamos no corpo e sim no duplo. Mantenha o seu duplo eterico sadio e vc terá um corpo sadio. Isso pode ser feito atraves de alimentaçao, vitalidade atraves do sol e da lua, uma mente tranquila, meditaçoes, silencio, ou uma musica que te deixa em alfha e por ai vai. O importante é saber que ele é a sede dos centros de captaçao de energia, por ai voce ja pode ver sua importância :)

Beijinhos lindo

)0(

Caillean disse...

Querida amiga analuciana

Não pretendo parar so neste poste e tenho certeza que quando eu terminar toda a sequencia voce podera entender algumas situaçoes :)

Espero, realmente, ajudar!

Beijinhos encantados!

)0(

Caillean disse...

Querida Luciene

Obrigada linda, venha sempre que sentir vontade, a "Casa" não é minha é de todos que por aqui passa.

Beijinhos Bruxildos

)0(

Caillean disse...

Meu querido amigo Profeta

Como sempre me presenteando com lindos versos, chego a ficar emocionada, lindo lindo principalmente:
"O doce invade os sentidos
E a ternura impõe a sua lei"


Beijinhos m[agicos

)0(

Caillean disse...

Querida Hazel

Que bom ver voce aqui de novo :-)
Pois é agora voce sabe o meu "Segredinho" rsrsrs de onde tirei o nome que uso, na verdade eu me identifiquei tanto com esta sacerdotisa que passei a usa-lo. Depois da "Casa da Floresta" vem "A Senhora de Avalon" leia também pois é uma continuaçao até é bom para entender as "Brumas"

Volte sempre linda voce é muito bem vinda!

Beijinhos da Fabruxa

)0(

cristinasiqueira disse...

Excelente escolha nesta postagem.O tema é palpitante.Li,reli e voltarei
para assimilar melhor.Na prática
das meditações sinto o pulsar do duplo,chego a vê-lo em mim e nas pessoas quando entro em alfa.
A foto e o texto em harmonia formaram uma composição incrível.Muito lindo!

Luz e Proteção.

Cris

Caillean disse...

Oii querida Cris

Realmente na meditaçao a gente consegue senti-lo e dependendo do estado em que nos encontramos conseguimos enxergar nos outros.É uma sensaçao tao gostosa nao é?
Também acho um tema fascinante apesar de muito extenso pelas suas inúmeras vertentes.

Estou demorando um pouquinho a postar porque, justamente, estou pesquisando para dar continuidade rs
ufa

Brigadinho pelo elogio

Beijinhos Mágicos

)0(

HAZEL disse...

Não te preocupes, Caillean. O teu segredo está bem guardadinho.... shhhhh... ;)

Sim, concerteza irei ler depois as "Brumas". Gosto de livros densos e longos, para durarem muito tempo.

Obrigada pela recepção tão calorosa

Beijos mágicos!

Podera lhe interessar...

Related Posts with Thumbnails